Quinta-feira, 26 de Agosto, 2010

Estamos vivos e plenos de saude!!

Foi uma viagem incrivel cheia de aventuras e peripécias das quais nao nos vamos certamente esquecer.

Aqui fica um muitíssimo OBRIGADO a todos os patrocinadores e pessoas que nos ajudaram a organizar este projecto.

Estamos muito satisfeitos pois tudo correu conforme planeado e alcancamos o nosso grande objectivo : chegar a Ulaanbaatar e fazer doação da nossa Kangoo as autoridades da mongolia.

 

Nos proximos dias iremos actualizar este blog com novos videos e fotos da aventura.

Muito Obrigado!!!

 

publicado por portugal-mongolia às 11:12

Já alguns dias que não escrevemos no post, chegamos finalmente ao nosso destino e alcancamos o objectivo proposto!

Fica aqui o resumo dos nossos ultimos dias...

 

9 Astana - Pavlodar

Uma vez que no domingo (dia anterior) tudo estava fechado na capital do Cazaquistao, tivemos de aproveitar este dia para tratar de assuntos importantes. Fomos à esquadra da policia regularizar o migration card pois neste pais é necessario que os estrangeiros facam o seu registo nas diferentes cidades... Aproveitamos ainda para visitar as instalações da UNICEF em Astana e doar o material médico dentário que transportavamos.. Visitamos um centro de reabilitação de jovens problematicos e uma clinica medica que prestava apoio a criancas necessitadas. Fomos recebidos com vários sorrisos e agradecimentos :)

 

Acabamos por sair da capital de Astana bastante tarde, pelo que chegamos a cidade de Pavlodar perto da meia noite. Junto da estacao de comboios pedimos a um taxista que nos levasse a um hotel.

 

10 Pavlodar - Barnaul (RUSSIA)

Apos pequeno almoco no hotel, fizemo nos a estrada. Tinhamos novamente a fronteira com a Russia para passarmos. Já sabiamos de antemao que esta fronteira iria ser morosa, quizeram ver e rever cada uma das coisas que levavamos na nossa kangoo. A principal atitude para com estas buscas é sempre boa disposição e megas sorrisos!! La entramos na russia ao final de umas 4 horas... Siga em direccao a Barnaul, capital deste distrito.

Apos termos buscado diferentes hoteis (que estavam fechados ou simplesmente nao nos davam guarida), acabamos por ficar no hotel Barnaul logo a entrada da cidade..

 

11 Barnaul - Altai Mountains

Na noite anterior, tinhamos visto a oficina da Renault. E para descargo de consciencia devido ao facto da nossa kangoo se queixar um pouco acima dos 100km/h decidimos la ir para averiguar o problema. Apos a manha inteira de testes e mais testes as sondas, escapes, deposito da gasolina, os mecanicos da renault disseram nos que nao encontravam nenhum problema. Nao nos cobraram qquer dinheiro e entao seguimos viagem bastante mais descansados até porque, era pouco provavel q viessemos a circular acima dos 100 km/h....

Seguimos direccao Este para as Altai Mountains. Esta região é fantástica, com paisagens lindissimas por entre os vales e rios.. E muito apetecido para quem pratica rafting e trecking..

Fomos em direccao a uma aldeia qdo comecou a escurecer e surpresa nossa os 2 hoteis da aldeia estavam cheios.. Pedimos a um local que nos ajudasse, e ao fim de um par de horas levou nos em excursao por meio de rios e terrenos sinuosos para uma especie de aldeamento. Estavamos famintos e entao preparamos a nossa ceia antes de dormirmos, no meio das montanhas Altai..

 

 

 

12 Altai Mountains - Mongolia Boarder

Levantamos cedo com o objectivo de chegarmos a Mongolia. A estrada continuou por ser espectacular e aproveitamos para tirar muitas fotos. Enchemos deposito e carregamos as nossas provisoes anstes de chegarmos a fronteira em Tashanta.

Chegamos a fronteira eram 14.00 pelo que ainda estava fechada para hora de almoco. Apos termos perdido algum tempo pois ainda nos pediram que fizessemos um registo para o migration card, la entramos na fronteira. Sabiamos que esta iria ser a mais critica entao apostamos entre nos, que quem acertasse na hora de entrada da mongolia, iria conduzir a monga na recta da meta em ulaanbaatar...

Apos passarmos o portao da russia, fizemos uns kms em terra de ninguem ate chegarmos a parte da mongolia. A estrada desapareceu subitamente e os buracos comecaram. Quando chegamos a fronteira da mongolia eram 17.50 e logo vimos mais alguns carros do Mongol Rally. De imediato nos disseram que nao seria possivel passarmos a fronteira naquele mesmo dia por questoes burocraticas. Entao é assim, sempre que um carro chegasse a fronteira, os servicos da mongolia comunicavam com os Adventurists em Londres para que lhes fizessem a transferecia do deposito que pagamos no inicio da viagem. Apenas qdo essa transferencia era processada estavamos autorizados a entrar na mongolia. O problema era o fuso horario o que fazia com que apenas durante umas 4 horas a tarde houvesse comunicacao entre mongois e ingleses...

Ja resignados que iriamos de ter passar a noite naquele local, um guarda da fronteira convidou nos a passar noite junto da yurt da sua familia (apenas o carro nao podia passar, nos ja podiamos!).

Foi uma experiencia incrivel, as yurts sao tendas dos nomadas mongois em que toda a gente pode entrar. Os mongois nao sabem direito a nocao de privacidade.. é verdade!! Experimentamos um leite muito estranho de cabra e uns quiejos curados.. Conhecemos a familia do guarda e ficamos a dormir numa casa junto da yurt.. estavamos c a equipa Fatima e mais 2 espanhois..

 

 

13 Fronteira - Olgi

As 8.00 fomos de imediato para a fronteira, para nos despacharmos o mais rapidamente possivel. Mas devido novamente ao fuso horario com Inglaterra, apenas a tarde se iniciaram os trabalhos. Entretanto a Confusi team chegou a fronteira com o novo elemento a bordo que tinham recuuperado em Astana. Finalmente as 16.00 entramos na proclamada mongolia com a nossa monga. Fomos em direccao a primeira cidade Olgi!

O hotel era um pouco medonho, mas o turkish restaurant revelou se ser mto interessante para quem nao se alimentava decentemente ha ja uns dias...

 

14 - Olgi - Algures

Uma vez que o hotel apenas tinha um chuveiro para todos os quartos, alem do mais a agua quente nao existia, decidimos tomar um valente duche nos duches publicos de Olgi antes de sairmos da cidade. Seguimos direccao Sul e fizemos cerca de 300 kms. As estradas eram horriveis, pessimas.

 

Apesar da beleza extraordinaria das montanhas, as estradas estavam a dar cabo dos carros.

Uma especie de ripas, ondas formadas pela areia devido aos camioes, eram como laminas para as nossas queridas suspensoes...

Ao anoitecer, encontramos um local para acamparmos, e fomos literalmente dilacerados pelos milhoes de mosquitos que pairavam. Fomos todos picados sem excepcao! Montamos as tendas, jantamos e logo dormimos!

 

15 Algures - Khovd - Algures

Saimos cedo para nos livrarmos daqueles mosquitos em direccao a Khovd onde chegamos ao final da manha. Aproveitamos para nos alimentarmos e tomarmos um banho nos duches publicos. De tarde fizemos mais 200 kms e elegimos um fantastico spot para acamparmos, junto a um lago. Grande jantar, uns pontapes na bola e bom convivio!

 

16 Algures - Altai

Seguimos viagem para Altai.. As estradas continuam pessimas e ficamos sem suspensao e escape ao atravessar um rio..

 

Mas o carro continua rijo para chegar a cidade. Fomos de imediato ao mechanics assistance do rally em altai onde colocamos suspensao nova e soldamos o escape.

Neste dia ainda paramos para tirar umas fotos com uma aguia lindissima. Era super pesada e mal conseguiamos esticar o braco para a segurar... Com certeza muito diferente das que se ve nos estadios portugueses.... Alias nao ha qquer semelhanca!!!

 

17 Altai - Algures

As equipas Confusi e Fatima demoraram um pouco mais para sair de Altai pelo q fomos a frente. Apanhamos mta chuva e ate granizo e ao final do dia nao sabiamos das restantes equipas. Decidimos ficar a noite numa pequena aldeia em casa de uns locais que ate nos equiparam c musica Michael Jackson e Black eyed peas!!! Muito bom!!!

 

18 Algures - Bayankhongor

As restantes equipas portuguesas nao davam sinais estavamos um pouco preocupados mas seguimos viagem a espera de encontrar um local com rede para telemovel. Chegamos a uma pequena aldeia onde havia um placar da Mercy Corps que dizia que o dinheiro angariado pelo Rally era usada na reabilitacao daquela regiao. Tiramos mtas fotos com os locais e demos material dentario as criancas.

 

Ainda houve tempo para atravessarmos o pior dos rios muito comprido, com a ajuda de um menino que nos indicava o caminho mais a frente!! Como premio demos lhe a nossa bola de voley.. mais tarde soubemos que aquele muido acumulou varias bolas por ter ajudado as aquipas a passar aquele rio :)

Chegamos a bayankhongor ao final do dia e apos termos encontrado hotel recebemos noticias da confusi e fatima q estariam a chegar a cidade.

No entanto, apenas os confusi acabaram por chegar pois a fatima tinha tido uns problemas mecanicos pelo meio do caminho.

 

19 Bayankhongor

O punto da Fatima acabou por chegar durante a manha. Tinham apanhado reboque de um principe indiano e professor catedratico em italia que lhes decidiu ajudar durante a noite. O Punto estava com varios problemas pelo que decidimos ficar todos juntos nesta cidade enquanto arranjavam o carro. Colocaram uma bomba de gasolina nova enquanto os restantes fomos em direccao a umas termas vulcanicas e um passeio a cavalo!! Apenas alguns de nos arriscamos estes pequenos cavalos, cujas selas davam cabo das nossas pernas!!!

 

Voltamos a cidade e encontramo nos finalmente as 3 equipas!!

 

20 Bayankhongor - Arvaikheer

Mais 200 kms de estradas pessimas. A nossa kangoo voltou a fazer o barulho ensurcedor tunning e a suspensao agora da frente comecou a fazer uns barulhos estranhos. Nesta cidade nao havia mecanico pelo que decidimos arriscar os ultimos 400 kms ate a capital ulaanbaatar sem substitui la... A meio do caminho o Punto de Fatima voltou a vacilar, novamente a bomba de combustivel.

Ja sei grande margem de manobra conseguiu se arranjar um camiao que os transportou directamente para Ulaanbaatar.

As 2 kangoos ficaram e chegamos a cidade de arvaikheer ao final da noite.

 

21 ULAANBAATAR

Ultimos 200 kms da viagem!! Estavamos super entusiamados e contentes com este troco final. Sabiamos que iamos encontrar asfalto pelo que a viagem foi perfeita. A entrada da capital encontramos um mega transito e engarrafamento!!!

 

Ao final de umas horas la chegamos ao hotel e encontramo nos com as restantes equipas. Fizemos check in e de imediato fomos todos juntos, com reboque especial do fiat punto da fatima, em direccao a finish line do rally mongol!

Chegamos mesmo a tempo da cerimonia comecar, houve espectaculo de musica de criancas mongois e um agradecimento da organizacao pelo sucesso do evento. Estavamos super contentes e festejamos c as restantes equipas do rally, o alcancar do nosso objectivo.

 

Fomos todos dentro das ambulancias que nos levaram ao local da festa. Foram nos ofereicadas pizzas e a festa continuou por algumas horas...

 

22 Ulaanbaatar

Dia destinado a conhecer a capital da mongolia e fazer as compras de souvenirs para trazer para amigos e familiares. Fomos ao mercado e ao shopping center de Ulaanbaatar :) A noite fomos jantar a um excelente restaurante italiano para despedida da mongolia!!

 

23 Ulanbaatar - Beijing

Acordamos cedo e fomos para o aeroporto. Dia de aniversario da Lulu, que o passou na cidade de Pequim com a Cruzada Mongol.

 

Uma vez que tinhamos 11 horas de escala em Pequim, fomos ate praca Tianamen e cidade proibida. Deu nos ainda para comermos pato de pequim e tirar mtas fotos.

 

24 Beijing - Frankfurt - Porto / Lisboa

1 A.M. Voo para Frankfurt.

Dormimos a viagem toda- Chegamos a frankfurt ao inicio da manha e apanhamos voo para portugal por volta das 9.

A Lulu foi directamente para Lisboa pois tinha de trabalhar nessa tarde, e nos voltamos para a cidade invicta chegamos as 11.30.

 

 

publicado por portugal-mongolia às 08:26

Domingo, 08 de Agosto, 2010

Pois e.. estamos todos vivos e cheios de saude! Cazaquistao tem sido uma aventura constante! Tentamos actualizar sempre que possivel!

 

3 Atyrau (Cazaquistao)

Apos termos ficado pela primeira vez duas noites seguidas no msmo hotel, fizemo nos a estrada em direccao a cazaquistao junto do rio volga que desagua ao largo do mar caspio. Passamos numa ponte flutuante que abanava por todos os lados antes da fronteira. A fronteira foi simples sem sobressaltos mas quando julgamos que ja a tinhamos passado na totalidade, e circulamos numa boa estrada, apareceu outro controlo fronteirico. Ou seja, aqueles kms que andamos eram territorio neutro e julgavamos nos que ja andavamos por terras cazaques...

 

Enquanto esperavamos pelos condutores Lulu e Tina, conhecemos um grupo de filandeses qe vinham em sentido contrario nas suas motas. Ja tinham feito milhares de kms em torno da mongolia, urzebaquistao e cazaquistao. Deram nos algumas dicas e sugestoes para as estradas qe iriamos encontrar. Quando lhes perguntamos #What about the roads in Mongolia???#, o finlandes respondeu ironicamente.. #What roads? There are no roads overthere...#

Seguimos viagem em direccao a Atyrau e encontramos um grupo de participantes do rally que tinham sofrido um acidente junto a fronteira. Eram austriacos, e estavam muito desolados pois o rally tiha terminado para eles, o carro nao ia conseguir chgar a mongolia. Ajudamo los, e demos boleia a um austriaco ate ao aeoporto de Atyrau, pelo meio ainda fizemos uma visita (quase 2 horas) na policia para que eles doassem o carro ao chefe da policia cazaque...

Apos aeroporto, reencontramos outra equipa tuga, Fatima is our girlfriend!. Buscamos hotel, agora eramos 11! Apos elegirmos um hotel recomendado pelo Lonely fomos jantar com amigo da Luisa Fusi que trabalha como engenheiro petroquimico em Atyrau.

 

 

4 Algures no meio do Cazaquistao

Durante o jantar da noite anterior foi nos sugerido por 2 amigas cazaques, que seguissimos sempre a estrada pelo norte quer era cerca de 1100 kms, ao inves de irmos por uma central que se ajustava nuns simpaticos 400 kms, uma vez que a estrada nao era la mto boa. Como bons portugueses que somos, e pragmaticos decidimos arriscar. Afinal eram 400 kms para 1100 de diferenca. A estrada comecou por ser boa, mas ao final de uns 100 kms o caos instalou se!

 As estradas tornaram se tao mas que os nossos proprios carros cabiam literalmente dentro dos buracos! O maximo quese conseguia andar eram 20 km/h. A suspensao da kangoo da equipa Confusi empenou e a nossa panela silenciadora soltou se do carro, comecando este a fazer um barulho treendo. No final de uma recta cheia destes gigantescos buracos, encontramos uma personagem, que muito provavelmente fica na historia do rally. Piedro de seu nome,um italiano com os seus 60 anos que partiu dia8 de Julho de biciclta desde italia. Estava literalmente perdido no meio daquelas estradas, tinham lhe dito que eram boas....

Foi nos impossivel nao recorrer ao pdido de ajuda deste homem, entao bicicleta em cima do monga e o italiano para dentro da kango da confusi.. Ao final do dia, tivemos de parar, a estrada era horriviel e com anoite aproximar escolhemos um sitio seguro para acampar.

Jantamos massas com carbonaras instantaneas e fomos de imediato dormir. Durante a noite ouviram se camioes e cavalos selvagens a relinchar junto das tendas...

 

 

5 Aktobe

5.00 AM toca a levantar, o dia ja nasceu e falta nos completar aqueles 400 kms que nos separava de Aktobe. A Kangoo Monga esta melhor como nunca com o seu barulho tunning insurdecedor. Encontramos uns espanhois que tambem tinham passado a noite acampar, e chegamos aktobe por volta das 3 da tarde. Fomos directos a um mecanico que nos recolocu o silenciador a monga, e tambem a sua integridade sonora.. Estavamos estafados e feios porcos e maus, cheios de terra! A Confusi team teve de colocar dois amortecedores novos!

Encontramos hotel e tomamos merecido duche. Para comemorar o desafio completado, e o reencontro das 3 equipas tuga fomos jantar a uma especie de feira popular que tb servia festas de casamento cazaque. Experimentamos leite de cavalo fermentado, e uma especie de carne de cavalo. Dancamos e bailamos com os cazaques todos, muito bom!

 

6 Kostanai

Cidade que fica a meio do percurso de Astana. Apenas serviu para passarmos a noite e partir logo cedo rumo a capital. Fica apenas registado que foi o pior hotel de sempre em que dormimos num ambiente de sauna....

 

7 Astana

Partimos ao final da manha, a equipa Fatima is our girlfriend passou pelo mecanico para soldar a grade ao carro. Fizemos cerca de 600 kms em boas estradas, mas quando chegamos perto da capital tudo se complicou. O q se adevinhava uma chegada tranquila tornou se num zigue zague entre estardas alcatroadas, buracos e terra. Foi um trajecto penoso totalmente incompreensivel visto estarmos tao perto da capital magnata do cazaquistao. Buscamos hotel, o mais caro de sempre, mas inevitavel dado a necessidade e cansaco acumulado.

 

8 Astana

Necessitamos de 1 dia de descanso. Aproveitamos para conhecer e passear nas ruas de astana. Edificios imponentes completamente desajustados a realidade q encontramos nos dias anteriores. Ainda subimos a torre emblematica q nos permitiu uma vista panoramica da cidade. E muito descanso descanso descanso descanso......... dia sem pegar no carro.. a monga tb precisa descansar!

 

 

  

 

 

publicado por portugal-mongolia às 16:12

Segunda-feira, 02 de Agosto, 2010

Familiares, amigos, companheiros, cibernautas que nos acompanham nesta cruzada,

 

Comecamos por explicar porque so agora escrevemos/actualizados o nosso blog. Tem sido mts kms, mtas estradas, mts paise e experiencias q nem sempre nos permitem aceder com tempo a internet.

 

Vamos assim tentar resumir os nossos primeiros 10 dias desde a partida do porto no dia 23 Julho.

 

 

23 Porto - Zaragoza

Saimos dos Clerigos c mtas despedidas e reportagem da RTP. Nao foi possivel chegarmos a Barcelona visto a Kangoo andar a uns miseros 101 km/h. Talvez nas descidas conseguimos os 102 e nas subidas uns tristes 70.... A noite tivemos o primeiro incidente da viagem.. Lu a fechar a porta qdo a Guida solta do fundo dos seus pulmoes um verdadeiro grito de guerra. Os dedos estavam la. Nada de grave, apenas uma nodoa negra.

 

 

 

24 Barcelona / Lyon

Despertamos as 6.30AM em direccao da largada do Rally em Barcelona. Com alguns contratempos a entrada da cidade, la chegamos, a tempo da cerimonia de abertura com pompa e circunstancia. Encontramos as outras equipas c especial alegria as portuguesas. Seguimos em caravana em direccao a Franca. Apos tentarmos + de 20 hoteis acabamos por decidir dormirmos no carro, foi a estreia do hotel Kangoo! E do primeiro emigrante Portugues por terras de la France... no Mc Donalds!

 

25 Konstanz

Pequena cidade do sul da Alemanha que nos acolheu especialmente bem, isto porque os pais da nossa companheira de viagem Luisa nos receberam. Nao ha melhor forma de conhecer uma cidade por intermedio dos locais. Grande hospitalidade e um grande obrigado a familia Fusi! Ainda deu tempo para um mergulho e umas bracadas junto da plataforma no lago de Konstanz.

 

26 Klenova Castle (Rep Checa)

Iniciamos a jornada com uma travessia de Ferry ao largo do lago de Kontanz. Almocamos junto a estrada e estreamos o nosso equipamento de campismo. Chegamos ao final da tarde junto ao castelo, ponto de encontro de todos os partuicipantes do rally Mongolia 2010. Mais de 300 equipas passaram por la. Fomos recebidos com um jantar e musica ao vivo em que a vocalista era brasileira! Ou seja, lingua portuguesa onde menos se espera...

 

 

27 Krakow (Poland)

Boas estradas e bom tempo ate agora, a entrada da Polonia fomos recebidos com um verdadeiro diluvio de agua ao mesmo tempo que recebiamos noticias de 40C em Portugal. Ficamos em casa do Arkadius San, amigo do Gi, que nos guiou pelas ruas de Cracovia encharcados, cansados e esfomeados. Experimentamos o prato tipico polaco, Pieroglis, uma especie de raviolis ou dumpligs recheados de vegetais.

 

28 Lviv Ucrania

Particimos ao final da manha apos termos dado uma volta pela praca emblematica de cracovia. Confiantes, deparamos nos com a greve de alguns polacos insatisfeitos que nos tardou 2 horas (em 30 km), mau tempo e ma qualidade das estradas. A fronteira aproximava se mas a noite prolongava-se. Ficamos hospedados no Hotel George no centro da cidade de Lviv. Um hotel c um pe direito gigante e decoracao do tipo casa da avo...

 

29  Kiev

Auto estradas cujas saidas desaguavam imediatamente em campos de batatas e permitia inversoes de marcha. Passadeiras de peoes e animais eram vulgares. Uma risota. Uma catrefada de policias prontos a disparar a pistolo de controlo de velocidade. O ganha pao por estas bandas...

Chegamos a mega cidade de Kiev, que desde logo nos surpreendeu pelo grandeza e modernidade. Fomos recebidos pelo sr agente que apenas nos queria ensinar que a sequencia de um semaforo ucraniano e GREEN YELLOW RED ao qual respondemos GREEN! Apos algumas tentativas infortiforas de buscar um poiso, surgiu um belo de um apartamento de luxo o qual podemos partilhar com a equipa Confusi. Era tao luxuoso, que ate tinhamos acesso RTP internacional. Foi lindo e maquina de lavar roupa!!!

 

30 Donestk

Confessamos que estavamos a espera de mais desta cidade. Tinham nos falado q o sul da ucrania era bem mais engracado, mas deparamo nos com uma cidade tao desorganizada que nem sinalizava a sua entrada. Por outro lado, a busca do Hotel foi simples. Era um pouco estranho, tinha clube com luzes vermelhas em baixo, hotel e supermercado e chamava se LIVERPOOL. Os Beatles estavam a porta...

 

31 Rostov-On-Don (Russia)

Pequeno almoco mau! Antes de passarmos a fronteira em direccao ao mar negro fomos cacados. A pistola do sr guarda disparou detras da arvore ao preciso momento que a nossa lenta Kangoo vinha embalada na super descida a 85 km/h. La pagamos 20 Euros e as meninas da Cruzada foram elogiadas pelos policias. 4 horas especados na fila da fronteira, e la entramos na mistica FEDERACAO RUSSA. Nao foi assim tao complicado, eles ate foram simpaticos. Eramos o 5 carro do Rally a passar naquele posto fronteirico. Rostov-on-Don foi apenas uma cidade de dormida.

 

1 Astrakhan

Foi o dia mais duro ate ao momento. Fizemos cerca de 800 kms ao longo do dia, no entanto encontramos a nossa menina de ouro.. um Hotel de 5 estrelas por um preco de um hostel com a campanha promocional FIQUE 2 NOITES e PAGUE 1! Vinha em boa altura pois comecamos a apresentar os primeiros sinais de fadiga.

 

2 Astrakan

Dia de descanso. Magnifico pequeno almoco e dormir ate mais nao. Oportunidade para uns ajustes mecanicos na Kangoo dado que apresentava uns efeitos sonoro nada confiantes. Problema resolvido era um parafuso empenado! Especial agradecimento a equip[a de mecanicos da Renault em Astrakhan KASPIUSGAZ. Tivemos direito a patrocinio e sessao fotografica... Teve q ser a Renault Russa a mostrar a sua solidariedade.....

1 tarde de passeio junto ao delta do rio volga, rio mais longo da europa... mergulhos e pic-nic junto a agua....

 

 

 

3 Still in progress....

 

 

 

 

 

 

publicado por portugal-mongolia às 20:18

publicado por portugal-mongolia às 20:14

Sexta-feira, 23 de Julho, 2010

 

Graças ao serviço Solução de Gestão de Frotas, da PT Negócios em parceria com a Masternaut instalado na nossa viatura poderá acompanhar-nos a par e passo ao longo desta viagem.

 

Para tal basta seguir este link: http://geonaut.masternaut.com/

 

e entrar com o utilizador "mongolia" e password "mongolia"

 

 

Geonaut
Dado estarmos no "século das tecnologias" conseguiu-se o que seria impensável à uns anos atrás.
Passamos a explicar, vamos levar na nossa expedição Portugal-Mongólia o serviço de Gestão de Frotas que funciona como sistema de navegação, mas também como um geolocalizador. Ou seja está aqui presente no blog (no cabeçalho) um link que permitirá familiares, amigos, cibernautas saber/seguir em tempo em real a nossa posição/localização...fantástico não é?! A qualquer altura podem saber exactamente onde estamos e "verificar" se estamos no bom caminho!

Mas não termina por aqui.....este sistema permite também a comunicação com a equipa Cruzada Mongol em tempo real através de troca de mensagens. Será então possível comunicar connosco!.....poderão até dizer: virem à direita pois o caminho mais rápido para a Mongólia é por aí! Este serviço de mensagens é o que se pode dizer tecnologia de ponta;) Pedimos que assinem as mensagens para sabermos quem são. Iremos procurar que as respostas sejam divertidas;)

Temos à agradecer à PT Negócios e ao seu parceiro, a MASTERNAUT pelo apoio e disponibilidade (agradecem, principalmente, as nossa mães!)...OBRIGADA!
"Definimos", dentro dos possíveis, uma rota com pontos/cidades em dias específicos. No entanto sendo uma viagem em que as situações imprevisíveis ocorrerão então este itinerário irá de certeza sofrer ajustes. Deixamos aqui alguns pontos e datas principais para assim ser possível voçês avaliarem se vamos no "bom caminho".....se o itinerário que definidos está a ser "cumprido" ou se bem pelo contrário;)

24 Julho - Barcelona (Espanha)
26 Julho - Praga (República Checa)
28 Julho - Kiev (Ucrania)
31 Julho - Volvogrado (Rússia)
2 Agosto - Atyrau (entrada no Cazaquistão)
7 Agosto - Astana (capital do Cazaquistão)
13 Agosto - Barnaul (Rússia)
16 Agosto - Entrada na Mongólia
20 Agosto - Ulanbator (capital da Mongólia)
22 Agosto - Festa do Rally!
23 Agosto - Voo de Regresso
24 Agosto - Chegada a Portugal
publicado por portugal-mongolia às 09:25

Quarta-feira, 21 de Julho, 2010
Apoio por parte de amigos da Madeira:
Obgd =)
publicado por portugal-mongolia às 12:45

Terça-feira, 20 de Julho, 2010

This is the Final Countdown...faltam 3 dias! Estamos na fase dos preparativos finais para a grande viagem. A verdade é que nem acredito que daqui a 3 dias vamos estar na kangoo todos juntos numa viagem que quando penso é o "maior " desafio de resistência que já fizemos.

Quais as características que devemos ter?

Paciência, alegria, boa disposição, lidar bem com o imprevisível e muitaaaaa amizade!

 

Fica aqui a música que descreve o estado de espiríto a 3 dias da partida:

 

publicado por portugal-mongolia às 12:13

A jornalista Maria João realizou uma reportagem sobre o Rally da Mongólia na edição do Fugas do jornal o Público deste fim de semana. Apresentou os participantes portugueses da edição deste ano do Raly, a sétima edição. Estamos presentes no artigo e partilhamos convosco a reportagem.

 

 

publicado por portugal-mongolia às 00:19

Segunda-feira, 19 de Julho, 2010
O nossa Kangoo já tem sistema de navegação, comunicação e georreferenciação!
Conseguimos o patrocínio da PT Negócios para nos apoiarem nas telecomunicações e navegação. Obrigada!
Esta parceria permite que qualquer pessoa saiba onde está a equipa Cruzada Mongol.
Neste blog estará um mapa com a marcação do nosso percurso e a nossa posição em tempo real.
As tecnologias já são muitas e permitem aos familiares, amigos, cibernautas seguirem-nos e partilharem connosco a aventura. Amanhã já contamos ter no blog o mapa com a posição da nossa Kangoo que será em Famalicão na oficina para ultimar os últimos preparativos.

PT Negócios
Com uma equipa dedicada 100% aos seus clientes, a PT Negócios oferece soluções, dinâmicas e convergentes, de comunicações fixas, móveis e de televisão, desenhadas à medida das necessidades de cada negócio, independentemente do ramo de actividade. Neste âmbito enquadra-se a solução Gestão de Frotas adaptada pela PT Negócios a este caso particular.

 

 

 


Criada em 1996 por Serge DELEAU a partir de um negócio na área das tecnologias da informação e comunicação com especialização em mobilidade, a masternaut passou por um processo de evolução fulgurante para se transformar no líder europeu de soluções em geolocalização e transmissão de dados via GPRS. Hoje conta com 38 500 veículos equipados em toda a Europa. A masternaut fabrica os MCU (Mobile Collector Unit), desenvolve o interface web e todo o conjunto de sotwares embarcados.
publicado por portugal-mongolia às 19:44

Estamos a 5 dias do início desta aventura ..... Tudo começou numa noite em Setembro...num reencontro de amigos de infância em que se discutiu o Rally da Mongólia. Rapidamente apercebemo-nos que iriamos participar pois havia aquele brilho nos olhos especial. Pusemos mão à obra e inscrevemo-nos. Ficou assim decidido que de 23 de Julho a 23 de Agosto iriamos tentar chegar à Mongólia de carro e a partir do Porto. Desde então tem sido uma "luta" incansável para divulgar este evento que promove a solidariedade entre os participantes, e angariar patrocínios. Aos poucos fomos encontrando parceiros que se identificam com o "espiríto" não competitivo deste rally e com o seu fundo humanitário.
A TODOS os patrocínios/apoios um MUITO OBRIGADA!
Desde a Mota-Engil (o nosso pai), à Copidouro (logótipos e t-shirts), à CitySchool (apoio monteário e t-shirts, polos e bonés), à Matos Coelho Engenharia (apoio monetário), à Sunviauto (gasolina), à FMDUP, ao atelier das formas (concepção do nosso logótipo), à designer Helena Reis, ao Jorge Amortecedores, aos pneus HERO, à NGP, à Polibaterias, à papelaria, aos mecânicos Auto Dinis e Robalo e Macedo, à Masternaut, à Sapo (apoio ao nosso blog) e à PT (responsável pelas telecomunicações durante a viagem).
publicado por portugal-mongolia às 19:11

Como parceiros da ONG Mundo a Sorrir estivemos presentes na comemoração do quinto aniversário da MAS. Foi um sucesso! Apresentamos o Rally da Mongólia e o "objectivo" de levar a prevenção da saúde oral aos mais desfavorecidos. A MAS tem projectos específicos em Portugal mas também em Cabo Verde e Guiné-Bissau. No entanto pretende alargar o seu espectro a todos os desfavorecidos....vamos aferir a sáude oral pelos países que vamos conhecer, mais específicamento o Cazaquistão e a Mongólia. Com o apoio da Colgate da MAS e de médicos dentistas através da doação de pastas dentrifícas, doações de escovas, luvas, material dentário iremos distribuí-los pelas populações, e também pelos agentes da saúde oral, os médicos dentistas locais.

 

Ficam aqui umas fotos do evento:

 

 

Apresentação dos projectos realizados em 5 anos da MAS e apresentação da Cruzada Mongol!

 

 

 

 

Guida a explicar aos presentes/amigos o trajecto que vamos fazer.

 

 

Exposição através de cartazes do evento Rally da Mongólia, quem somos, qual o trajecto que vamos fazer e quem nos apoia nesta expedição, os patrocinadores!

publicado por portugal-mongolia às 12:14

Quarta-feira, 14 de Julho, 2010

A divulgação é sempre boa!

Relembrado a nossa parceria com a MAS....no sentido que este rally é um rally de solidariedade, e sendo que dois de nós são médicos dentistas e membros da MAS, surgiu com naturalidade a parceria com a Mundo a Sorrir. A base da nossa de parceria é aferir a problemática das dificuldades sentidas no campo da medicina dentária dos países que vamos conhecer e especificamente na Mongólia. E levar além fronteiras as boas práticas da saúde oral, levar um sorriso!

Fica aqui uma reportagem do dia 13 de Julho em que explica como trabalha a Mundo a Sorrir em ajudar os mais desfavorecidos no campo da saúde oral.

publicado por portugal-mongolia às 22:58

Iniciou-se com um belo banho:

 

 

 

O carro já com a "vestimenta" dos logótipos das parcerias e patrocinadores.

Monga1

Com os símbolos já dispostos no profundo branco da Kangoo estamos confiantes que vamos lá chegar!!!

 

Monga2

 

Iremos levar o nome das nossas parcerias e patrocinadores pela Europa e Ásia fora!

Deixamos aqui mais um obrigada a todos que nos apoiam e nos ajudam a chegar lá...OBRIGADA!

publicado por portugal-mongolia às 13:07

Aqui fica o link para a nossa reportagem da equipa Cruzada Mongol...o nosso um minuto de fama;)

http://www.tvi24.iol.pt/galeria_nova.html?mul_id=13289929
Baptizamos a nossa Monga e explicamos a nossa parceria com a ONG Mundo a Sorrir!

publicado por portugal-mongolia às 01:06

Quinta-feira, 08 de Julho, 2010
publicado por portugal-mongolia às 12:33

Terça-feira, 06 de Julho, 2010

No dia 24 de Julho de 2010, 41 anos após o astronauta Neil Armstrong (missão Apollo 11) regressar à Terra depois de explorar a superfície lunar, dezenas de equipas espalhadas pelo mundo fora, irão reunir-se nas cidades de Barcelona, Milão e Londres, e participar na sétima edição do Rally Mongólia.

Esta aventura fá-las-á explorar, conhecer e ultrapassar os 13.000Km de estradas e caminhos terrestres que separam a Europa Ocidental e o país asiático -  Mongólia!

A Partida de Barcelona já está organizada e prevê a largada de 50 equipas. Já a largada de Milão conta com 45 equipas. E em Londres são as surpreendentes 350 equipas! Este ano, o ano com mais participantes, somos um total de 445 equipas. Equipas de todas as nacionalidades, desde australianos a americanos, que se propõem a chegar à Mongólia e doar o carro e mil libras a ONGs com projectos humanitários específicos na Mongólia.

Neste caso, e adaptando as palavras de Neil Amstrong quando pousou na Lua,

“Este é um pequeno gesto para a humanidade, mas uma enorme distância para o homem!”

 

Ficam aqui umas fotos engraçadas das largadas de outros anos:

publicado por portugal-mongolia às 23:39

Domingo, 04 de Julho, 2010

 

Mais um Patrocínio!

Um enorme OBRIGADO ao Grupo MOTA-ENGIL pelo apoio no nosso projecto.

publicado por portugal-mongolia às 21:09

Sábado, 03 de Julho, 2010

 

Com o apoio da Copidouro já temos T-shirts OFICIAIS da Nossa Equipa!

 

 

 

 

 

 

 

 

Serão parte da nossa participação no rally 

 

São em 3 Cores:

- Vermelhas (M/S)

- Azuis (M/S)

- Brancas (XL)

 

 

Existem 50, seja solidário e adquira esta edição limitada antes que esgotem!

 

 

publicado por portugal-mongolia às 16:57

Quarta-feira, 30 de Junho, 2010

 

"A ONG Mundo a Sorrir surgiu em Julho de 2005, sendo a primeira e única organização Portuguesa a trabalhar no campo da Saúde Oral tendo como principal objectivo, tornar a Saúde Oral um direito universal, acessível às comunidades mais desfavorecidas e realçando a sua importância para a qualidade de vida. Ao longo destes cinco anos a ONG Mundo a Sorrir promoveu iniciativas de promoção e assistência de cuidados de Saúde Oral em Portugal, Cabo-Verde e Guiné-Bissau, mostrando que é imperativo mudar a realidade dos cuidados de Saúde Oral em Portugal e no Mundo."

 

No próximo dia 8 de Julho a Mundo a Sorrir celebra o seu 5º Aniversário.

Este evento será em Lisboa, no Museu da Electricidade, e contará ainda com a presença da Senhora Alta Comissária da Saúde.

A equipa Cruzada Mongol estará presente!


Sendo que dois de nós são médicos dentistas e membros da MAS, surgiu com naturalidade a parceria com a Mundo a Sorrir. A base da nossa de parceria é aferir a problemática das dificuldades sentidas no campo da medicina dentária dos países que vamos conhecer e especificamente na Mongólia. E levar além fronteiras as boas práticas da saúde oral, levar um sorriso!

 

Na cerimónia de aniversário o nosso carro estará exposto e haverá um pequeno esclarecimento aos presentes a base da parceria da Cruzada Mongol com a Mundo a Sorrir.

 

 

Esta parceria conota ainda mais o cariz humanitário deste rally visto dotar o desafio com uma carga emocional e solidária que consideramos essencial.

 

 

 

publicado por portugal-mongolia às 22:45

Domingo, 20 de Junho, 2010
Já escolhemos a nossa rota!!!

Recapitulando e resumindo, cada equipa parte, juntamente com o seu grupo, da cidade em que se inscreveu (Londres, Milão ou Barcelona) com destino a Praga. Da capital da República Checa, as equipas traçam o seu percurso tendo como objectivo chegar a Ulaanbaatar, capital da Mongólia.
Em baixo colocamos um mapa com a nossa rota, que podem explorar o potencial da Google Maps:


Neste âmbito, o nosso rally terá início na cidade invicta, Porto no dia 23 de Julho, com destino a Barcelona, onde nos juntaremos ao grupo no dia 24 de Julho. Partiremos depois em direcção a Praga onde todos os participantes do evento se irão encontrar (dia 26 de Julho).

Em termos geográficos, atravessamos a Península Ibérica e percorremos toda a Europa no sentido Oeste-Leste, passando por diversos países desde Portugal à Hungria (Espanha, França, Alemanha, República Checa, Polónia, Hungria).

A partir deste ponto entramos em território Asiático onde tencionamos descer até a cidade no sul da Hungria, Donesk. Aqui atravessamos a fronteira para a Rússia em direcção a Volvograd. Reencontramos o rio mais longo da Europa, o Rio Volga. Este Rio, o mais importante da Rússia, nasce nos montes Valdai, a noroeste de Moscovo, e desagua, por um delta, no mar Cáspio, junto da cidade de Astrakan. Iremos seguir o rio a partir de Volvograd até ao seu delta no mar Cáspio.

O mar Cáspio é um ponto pelo qual ansiamos conhecer. É o maior mar fechado do planeta, em que a maior parte das suas margens pertence a repúblicas que integravam a antiga URSS, nomeadamente o Azerbaijão, o Turquemenistão, a Rússia e o Cazaquistão. O mar Cáspio constitui uma grande fonte de exploração pesqueira e, ao mesmo tempo, uma importante via de navegação, sobretudo de ligação com o Volga.

Contamos entrar no Cazaquistão no início do mês de Agosto, ou seja passado uma semana e uns dias já atravessamos a Europa e estamos prontos para conhecer a Ásia Central, nomeadamente o Cazaquistão. E aqui é contamos que comece "verdadeiramente" a expedição! Não que o trajecto até este ponto seja de "ignorar" mas o teste à Kangoo começa agora. O Cazaquistão só tem 400km em asfalto....tudo o resto é terra batida! O Rally entra no modo desafio total!

O Cazaquistão (conhecido pelo país do Borat) é o nono maior país do mundo e o maior da Ásia Central. Encontra-se em franco desenvolvimento devido, principalmente, ao petróleo que possuiu. DEm 1997 mudou-se a capital Almaty (Sul) para o norte Astana de modo a controlar melhor o noreste em que a presença russa era muito forte. Sendo então uma cidade nova e que contamos conhecer.

Dado a Mongólia não partilhar uma fronteira com o Cazaquistão teremos que voltar à Rússia e só depois é que entraremos na tão esperadaMongólia! Prevemos estar a passar a fronteira da Rússia para a Mongólia dia 14 de Agosto. O percurso pela Mongólia será uma aventura pois tal como no Cazaquistão as estradas não são em alcatrão.

Prevemos a chegada à capital da Mongólia, Ulaanbaatar, no dia 21 de Agosto, onde seremos recebidos pela organização e doaremos o carro, passando alguns dias em território da Mongólia.


Para regressarmos viajaremos de avião por volta do dia 23 de Agosto.


Uma curiosidade: A Mongólia é o segundo maior país do mundo sem costa marítima, depois do Cazaquistão.

publicado por portugal-mongolia às 20:07

Sábado, 19 de Junho, 2010

Um muito obrigada à City School Training Center pelo seu patrocínio!

 

 

http://www.cityschool-porto.com/

 

A azáfama da preparação do carro aliada à logística de tratar dos vistos dos países que vamos conhecer até chegar à Mongólia tem momentos engraçados. A City School aparece na conversa com uma amiga que tem familiares na City School e lhes pede para nos ajudarem na tradução de documentos para russo dado o consulado Russo o exigir. Juntamente com a tradução surge um apoio, quer monetário, quer ao nível de material a doar na Mongólia, nomeadamente t-shirts e bonés. Ou seja vamos levar a escola City School à Mongólia!

Mais uma ajuda que irá connosco de Portugal à Mongólia....um Muito Obrigada!

 

publicado por portugal-mongolia às 14:07

Esta Quarta-Feira participamos na
Rádio Antena 3 no programa Prova Oral do Fernando Alvim e Rita Moreira.


Viajar é muito mais do que ir de A a B. Falou-se da arte da viagem, de uma maneira geral, do quanto ela pode contribuir para o nosso desenvolvimento pessoal, e também das experiências particulares dos ouvintes. O que se procura, o que atrai, os episódios caricatos que se vive, as surpresas, as fotografias e os regressos. Tudo isto foi abordado na hora diária da Prova Oral.

Participamos no programa e falamos na nossa participação no Rally da Mongólia, e pelo meio esteve presente o sempre bom humor de Fernando Alvim.


http://ww1.rtp.pt/multimedia/progAudio.php?prog=1070&clip_wma=68213

publicado por portugal-mongolia às 13:57

Quarta-feira, 16 de Junho, 2010

Após algumas conversações e aconselhamentos, decidimos e conseguimos levantar o carro!

Aumentando-se assim as capacidades de todo o terreno da nossa Kangoo!

Isto só foi possível graças ao apoio da oficina Jorge Amortecedores.

 

 

 

Efectuou-se uma revisão total dos 4 amortecedores, complementando-se com discos que elevaram o carro 3cm. Não é muito, mas o suficiente (espero) notando-se a diferença.

Aproveitei hoje para testar nas curvas e está Muito melhor. Mais estável, continuando confortável, apesar de se ter enrigecido um pouco os amortecedores!

 

Curiosamente nós e uma outra equipa que também parte do Porto escolhemos esta oficina para nos cuidarem dos amortecedores!

Também em conversação com o sr. Jorge Rodrigues descobri que em outros anos tinha apoioado outra equipa na participação neste rally!

 

Um Obrigado por este apoio!

 

http://www.jorgeamortecedores.pt/

 

 

Rua Alexandre Herculano, 197/200/202/205, 4000-051 Porto

 

Recomendamos!!

publicado por portugal-mongolia às 22:26

Com o apoio da Copidouro haverá brevemente t-shirts com o nosso logotipo!

 

Serão em 3 cores: Vermelho, Azul e Branco (colocarei fotos e mais detalhes assim que estiverem prontas!)

 

A Copidouro será também responsável pela impressão dos vinis para se colar no carro

 

Dentro de poucos dias o carro estará diferente, bem colorido e com aspecto competitivo!

 

Um Obrigado especial pela simpatia e disponibilidade mostrada pela impresa!

 

http://www.copidouro.pt

 

publicado por portugal-mongolia às 21:37

O nosso lógotipo


Onde estamos.
Portugal-Mongólia
Somos amigos desde a infância e partilhamos o gosto por viajar, o espírito de aventura, a vontade de conhecer novas culturas, e se a isto podermos associar uma prova de Rally e solidariedade torna-se fantástico! A equipa chama-se Cruzada Mongol e propõem-se a percorrer os caminhos entre Portugal e Mongólia. Trata-se de um Rally invulgar pois todos que participam são vencedores, desde as equipas até às organizações de caridade, que se unem com a finalidade de ajudar os mais necessitados da Mongólia. É o Rally da Mongólia edição 2010!

Objectivo:
- Ponto de partida/chegada: Porto/Ulaanbaatar
- Distancia prevista: 13.000 kms
- Conhecer no total 10 Países

As datas:
Partida do Porto: 23 de Julho
Chegada a Ulaanbaatar: 21 de Agosto
nas redes sociais
pesquisar
 
A organização
Parcerias


Patrocínios


































subscrever feeds